Rússia abre inquérito contra brasileiros por assédio

3 de jul de 2018

Rússia abre inquérito contra brasileiros por assédio

O governo da Rússia abriu um inquérito contra os brasileiros que assediaram uma mulher em Moscou, em um vídeo no qual faziam a jovem repetir frases de cunho sexual sem saber seu real significado.
De acordo com o jornal “O Estado de S. Paulo”, a investigação foi aberta pelo Ministério do Interior, após uma denúncia da advogada e ativista Alyona Popova, símbolo da luta pelos direitos da mulher no país.
Os brasileiros envolvidos no caso arriscam ser multados ou proibidos de voltar à Rússia. No vídeo, ao menos quatro brasileiros cercam uma mulher não identificada e gritam frases em alusão ao órgão sexual feminino, pedindo para a vítima repetir suas palavras.
Entre eles estavam Diego Valença Jatobá, advogado e ex-secretário de Turismo de Ipojuca (PE); o engenheiro e ex-secretário de Saúde do Piauí Luciano Gil; e o policial militar catarinense Eduardo Nunes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário