16 de ago de 2018

Cássio se irrita com o veto ao reajuste dos agentes comunitários de saúde.

Irritado com o veto presidencial ao aumento de salário dos gentes comunitários de saúde e combate às endemias, Cássio Cunha Lima promete empenho para derrubar o que foi rejeitado da proposta aprovada pelo Congresso.

 “Assim como agi para aprovar o reajuste, vou agir para derrubar o veto de Temer ao projeto”, garantiu o senador. 

Ele já está trabalhando neste sentido, pois vê uma ação desrespeitosa aos profissionais. 

 O projeto de lei é fruto de uma Medida Provisória, da qual o senador Cássio foi relator. 

Além de fixar a data-base, estabelece um reajuste de 52,86% do piso salarial dos agentes de saúde. Enquanto uns trabalham para melhorar vida do trabalhador, outros vêm botar gosto ruim e nesta segunda hipótese chama-se Michel Temer.

Fonte: Marcone Ferreira

Nenhum comentário:

Postar um comentário