Posto de SP vende gasolina por R$ 1,96 em protesto contra impostos

5 de jun de 2018

Posto de SP vende gasolina por R$ 1,96 em protesto contra impostos

Um posto de combustíveis na Avenida dos Bandeirantes, na Zona Sul de São Paulo, vende gasolina sem impostos na manhã desta terça-feira (5) em protesto contra a carga tributária do país.

 Foram disponibilizados 6 mil litros de gasolina, que está sendo vendida a R$ 1,96 desde as 8h. Segundo os organizadores, este é o valor do combustível se descontada a carga de 55% de impostos. 

 A ação é realizada pela Rede Liberdade, uma parceria entre as entidades Mises Brasil, Instituto de Formação de Líderes, Movimento Endireita Brasil e Ranking dos Políticos. 

 "Esse é o décimo ano que fazemos o Dia da Liberdade de Impostos. Hoje marca o fim dos 156 dias do ano em que trabalhamos para o governo, ou seja, só para pagar impostos. Essa ação é para alertar as pessoas sobre o peso da carga tributária no valor final do produto", afirma Ricardo Sales, presidente do Endireita Brasil. 

 "A primeira medida que pedimos, no caso da gasolina, é que seja tirado o monopólio da Petrobras para permitir que haja concorrência neste mercado. E para diminuir os impostos, também é preciso reduzir a máquina governamental. Cortar os gastos do governo", diz. 


Fila para abastecer


 Pouco antes das 8h, hora marcada para o início da ação, cerca de 80 carros esperavam na fila para abastecer com valor reduzido.

 O primeiro a chegar foi o fiscal de alarmes Gildeon dos Santos, que passou a noite no posto. 

 "Eu cheguei às 21h de ontem. Entre as 23h e 2h de hoje é que o resto do pessoal começou a chegar", afirma.

 Gildeon mora em Cidade Dutra (Zona Sul) e diz que ficou sabendo da ação pela internet. "A gente gasta muito para abastecer, então tem que aproveitar essa boa oportunidade para economizar", diz.

 A quantidade é limitada a 30 litros por pessoa. Os organizadores estimam que o estoque de combustível com desconto deve durar até as 11h desta terça.

Fonte G1 SP

Nenhum comentário:

Postar um comentário