22 de jan de 2018

Ministério Público de olho...


Os gestores que utilizarem recursos públicos, diante da crise, para custear festas de carnaval poderão ser processados pelo Ministério Público

Os promotores das mais variadas comarcas têm recomendado que as festas sejam realizadas pela iniciativa privada, devido à crise econômica que assola o País, o Estado e os municípios. (Blog do Itamar)

Nenhum comentário:

Postar um comentário