22 de out de 2017

Médico contraria versão de nota de esclarecimento de secretária de saúde tavarense.

A imagem pode conter: 4 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé

Dr
. Diomar na Unidade de Saúde do povoado Dalmópolis, em Juru - PB,  com servidores municipais 
Com mais de 11.000 visualizações contabilizadas por JURU EM DESTAQUE e 254 compartilhamentos na página do Facebook até o exato momento, a notícia que o médico Diomar Pegado tinha sido demitido da Prefeitura Municipal de Tavares, no Sertão da Paraíba, conforme foi veiculado pelo blog na última segunda-feira, continua gerando controvérsias entre as partes envolvidas.

Bastou, pois, que o médico demitido se colocasse à disposição dos tavarenses para consultar na cidade duas vezes por semana, gratuitamente, para a secretária de Saúde do município emitir uma nota de esclarecimento dando uma versão diferente dos fatos narrados por ele sobre a sua demissão, alegando inclusive que teria sido o próprio médico que não aceitara as propostas da prefeitura e, ainda, que os plantões da segunda-feira e do sábado estavam sem médico. 

Contrariando a versão dada na última quarta-feira (18) pela secretária municipal (18), o Dr. Diomar esclarece que jamais faltou com a verdade e, se ainda há vagas, aceita os plantões da segunda-feira e do sábado. Caso contrário, em não sendo aceito, reafirma sua disposição de atender os tavarenses de forma gratuita um ou dois dias por semana.   

Eis abaixo a 'breve nota de esclarecimento' do Dr. Diomar:

Boa tarde aos Tavarenses e uma breve nota de esclarecimento, pois posso ter meus defeitos, mas sempre pratiquei o bom combate e profissionalmente nunca faltei com a verdade!!! Então, como tive prioridade, se já existem 6 PSF com Médicos (uma vez Q Dr Felipe Medeiros trabalha no PSF da quadra) e restando apenas uma vaga? Segundo: pq quando solicitei uma vaga para o PSF em abril, a secretária de Saúde alegou Q era inconstitucional o Médico trabalhar no hospital e PSF?! Mas agora pode? Mudou a constituição?? Rs rs rs rs.. E se ainda há vagas, eu aceito de bom grado o plantão da segunda e do sábado!!!!... Agora se existe alguma forma de perseguição contra a minha pessoa, por fazer um bom atendimento, respeitar os pacientes e por ter sempre tentado ajudar aos amigos Tavarenses, isso me deixa triste!!!! Mas em agradecimento à população de Tavares, por ter me ajudado de forma muito intensa, quando estive à beira da morte e pelas muitas orações e visitas a minha pessoa, caso o Prefeito não me queira na segunda e/ou no sábado, eu me disponho a atender, uma ou duas tardes, na Ultramed, (Já Q Dr Aledson, em gesto nobre, me ofereceu um espaço e material) de forma gratuita a toda a população Q queira o atendimento!! E aceito ajuda da situação e da oposição... Obrigado de coração a todos os Tavarenses Q por mim pediram a Deus por minha recuperação!! Diomar Pegado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário