5 de set de 2017

SUS passa a oferecer medicamento para tratamento da microcefalia


O Sistema Único de Saúde incorporou o medicamento antiepiléptico Levetiracetam para o tratamento de convulsões em pacientes com microcefalia. A publicação está na edição desta segunda-feira (4) do Diário Oficial da União. 

Também conhecido pelo nome comercial Keppra, o medicamento evita convulsões em pacientes com anomalias decorrentes de infecção pelo vírus da zika. 


O prazo máximo para a incorporação do SUS é de 180 dias a partir da data de publicação. Com isso, famílias com crianças com diagnóstico de microcefalia poderão ter acesso gratuito ao medicamento na rede pública de saúde.

O Keppra também foi adotado para o tratamento coadjuvante (associado a outras terapias) em pacientes com epilepsia mioclônica juvenil (EMJ), tipo de epilepsia crônica comum na adolescência.


Fonte: Zero Hora

Nenhum comentário:

Postar um comentário