30 de jun de 2017

EXPERIMENTO IDENTIFICA GENES LIGADA A SURDEZ QUE PODE AJUDAR IDOSOS

Uma proteína ligada à longevidade humana pode se transformar em opção poderosa de combate à surdez. Em um experimento com ratos, cientistas dos Estados Unidos descobriram que a ausência do gene chamado Foxo3 (forkhead box O3) compromete a percepção dos sons. Portanto, intervenções para sanar essa falha genética impactariam na correção do problema, ajudando principalmente pessoas que têm a audição prejudicada em decorrência da idade.
“Embora mais de uma centena de genes tenham sido identificados como envolvidos na perda auditiva na infância, pouco se sabe sobre os genes que regulam a recuperação auditiva após a exposição ao ruído”, declarou, em comunicado à imprensa, Patricia White, professora-associada do Departamento de Neurociência da Universidade de Rochester, nos Estados Unidos, e principal autora do estudo, divulgado na revista Scientific Reports.

Nenhum comentário:

Postar um comentário